terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Crise existencial

Ando com uma saudade estranha...
Saudade de ninguém,
de todo mundo.
Sinto saudades de mim.
Por onde tenho andado?

Um comentário:

Leia também